Paty marca de novo, Pérolas Negras vencem Itaperuna e se mantém na ponta

O rival era um clube tradicional, que já viveu dias de glória na elite do futebol carioca e agora tenta se reerguer. As condições de jogo eram terríveis no campo ruim e escorregadio do Estádio Atílio Marotti em Petrópolis. Nem campo nem adversário, no entanto, impediram o Pérolas Negras de encaixar sua terceira vitória consecutiva e se manter na liderança do Grupo A na Série C do Campeonato Carioca de futebol.

O jogo foi uma verdadeira batalha, e os Pérolas tiveram que jogar um futebol de muita disputa e contato para conquistar os 3 pontos. Em uma partida em que nenhuma das equipes conseguiu praticar um futebol vistoso, em que bonito de se ver foram apenas a raça e a vontade apresentadas de ambos os lados e em que quem errou menos saiu com a vitória, a estrela de Rafael Paty brilhou forte mais uma vez: o artilheiro marcou de pênalti o seu quarto gol em quatro jogos e se isolou na artilharia da competição.

A vitória foi de suma importância para os Pérolas, já que o Itaperuna era o segundo colocado (perdeu a posição para o 7 de Abril) e tomaria a liderança do grupo em caso de vitória no confronto. Segundo e terceiro colocados, 7 de Abril e Itaperuna se enfrentam na próxima quinta 31/08 às 15h, mesmo horário em que os Pérolas entram em campo para desafiar o Paduano no estádio Ferreirão em Cardoso Moreira.

O jogo

Com os Pérolas ainda se encontrando e tentando se adaptar ao campo, a partida começou com o Itaperuna indo para cima e incomodando. O futebol do Pérolas Negras ganhou volume após a parada técnica, mas o primeiro tempo terminou mesmo com muita disputa e sem chances de gol.

O Pérolas voltou mais ligado para a segunda etapa e conseguiu um pênalti com Adriano, grande destaque da equipe na competição até aqui. Em linda jogada, ele driblou dois e foi derrubado dentro da área, ganhando a penalidade e causando ainda a expulsão do defensor adversário.

Rafael Paty cobrou e marcou, assim como ocorrera contra o Paraíba do Sul, e com isso deu números finais à partida. O Itaperuna foi para o abafa mesmo com um a menos e acreditou nas bolas alçadas , mas os Pérolas conseguiram a vitória com muita luta e entrega. Do jeito que a Série C exige.

A próxima partida é longe de casa, no norte do estado, e o Pérolas precisa vencer novamente se não quiser correr risco de deixar a liderança do grupo. Confira a tabela e a classificação da Série C do Campeonato Carioca para ficar por dentro dos resultados e próximos compromissos dos Pérolas Negras.

Pérolas Negras vencem e assumem liderança do grupo na Série C

O Pérolas Negras viajou ontem até Xerém para enfrentar o Tomazinho, de São João de Meriti, em confronto que valia a liderança do Grupo A da Série C do Campeonato Carioca de futebol. A vitória por 2×0, segunda seguida pelo mesmo placar na competição, levou o Pérolas a 9 pontos contra 7 do Tomazinho, que não apenas deixou de ser líder como foi ultrapassado também pelo Itaperuna devido ao saldo de gols.

Os Pérolas agora vão defender a liderança do grupo na próxima quinta-feira, quando recebem o vice-líder Itaperuna, às 15h, no estádio Atílio Marotti em Petrópolis. O Tomazinho vai tentar se reabilitar contra o 7 de Abril no estádio Jair Toscano, em Angra dos Reis, onde o Pérolas Negras conheceu sua única derrota na competição.

O gol de Rafael Paty que abriu caminho para a vitória foi o terceiro do artilheiro em três jogos no torneio – um gol marcado em cada partida. O goleiro Jefferson confirmou a ótima fase defendendo um pênalti quando os Pérolas já venciam a disputa por 2×0.

O jogo

O Pérolas Negras entrou em campo confiante após a vitória por 2×0 sobre o Paraíba do Sul na última quarta, a primeira da equipe em uma partida oficial. O estádio Marrentão não intimidou os brasileiros e haitianos do Pérolas, que assumiram o controle do jogo desde o princípio mantendo a posse de bola e criando boas oportunidades de marcar.

Rafael Paty já tinha parado no goleiro em bela cabeçada e visto Adriano e Iago ameaçarem em chutes de média distância quando, com o primeiro tempo próximo do fim, aproveitou excelente cruzamento de Adriano em cobrança de falta e cabeceou sem nem precisar sair do chão para abrir o placar. O gol logo antes do intervalo fez justiça a uma ótima etapa inicial dos Pérolas, que controlaram as ações e souberam sofrer quando o adversário conseguiu levar perigo após a parada técnica.

O segundo tempo começou igual ao primeiro, com os Pérolas Negras dominando o adversário e criando oportunidades, até que aos 6 minutos Richardson girou em cima do marcador, foi ao fundo e cruzou rasteiro para Iago ajeitar, se livrar do zagueiro e marcar o segundo em ótima finalização que deu números finais à partida.

O Tomazinho veio para cima após a parada técnica e teve um pênalti para diminuir a desvantagem, mas o goleiro Jefferson brilhou e esfriou de vez a reação do adversário. Richardson ainda teve a chance de marcar o terceiro, mas o placar ficou mesmo 2×0.

Uma grande vitória como visitante contra um adversário que ainda não havia perdido. O Pérolas jogou com autoridade, impôs seu futebol fora de casa e se afirmou como uma força do Grupo A na luta pelo acesso. Jogadores e comissão técnica voltaram para Paty do Alferes orgulhosos e com a certeza de que o trabalho caminha em boa direção.

A partida contra o Itaperuna será mais um confronto direto pela liderança do grupo. Confira a tabela e a classificação da Série C do Campeonato Carioca para ficar por dentro dos resultados e próximos compromissos dos Pérolas Negras.

Pérolas Negras vencem e podem assumir liderança no domingo

O Pérolas Negras recebeu e venceu ontem o Paraíba do Sul no Estádio da Cidadania, em Volta Redonda, pelo complemento da terceira rodada da Série C do Campeonato Carioca de futebol. Os Pérolas tiveram atuação segura e construíram o placar final de 2×0 em menos de 30 minutos com gols de Rafael Paty cobrando pênalti e Adriano.

Com a vitória, a primeira dentro de campo no torneio já que os três pontos conquistados na estreia contra o Campo Grande foram fruto de um W.O., o Pérolas Negras alcança a segunda posição no Grupo A da Série C. O líder Tomazinho, um ponto à frente, é o adversário do próximo domingo no estádio Marrentão em Duque de Caxias.

A primeira vitória dos Pérolas em um torneio oficial teve um sabor ainda mais especial pela qualidade do adversário, que conta com atletas com passagens pelos clubes grandes do Rio, como o ex-Botafogo Adriano Felício, e pela superação da equipe, que jogou todo o segundo tempo com um jogador a menos após a expulsão precoce de Rizzi.

O jogo

O Pérolas entrou com apenas uma mudança em relação à derrota contra o 7 de Abril, a entrada de Marlon como terceiro zagueiro. O time iniciou a partida bem postado e logo aos 12 minutos Iago roubou a bola e abriu para Elison, que cruzou para Rafael Paty disputar e ser derrubado dentro da área. Ele mesmo cobrou o pênalti com força para abrir o placar.

A equipe continuou bem em campo e aos 29 chegou ao segundo gol através de uma jogada ensaiada: Rizzi cobrou falta na cabeça de Rafael Paty, que cabeceou forte para o gol. A bola carimbou o travessão e se ofereceu para Adriano, que só empurrou para marcar o segundo.

Com a vantagem construída, a segunda metade do primeiro tempo foi o pior momento do Pérolas Negras na partida. O Paraíba do Sul passou a dominar o meio do campo, foi para cima e só não diminuiu graças às intervenções da defesa e do goleiro Jefferson.

O Pérolas voltou melhor para o segundo tempo, e nem mesmo a expulsão de Rizzi logo no início fez a equipe diminuir o ritmo. O técnico Rafael Novaes manteve duas linhas de quatro jogadores com apenas Rafael Paty à frente, e o time respondeu bem tanto tática quanto fisicamente, com muita entrega na marcação e contra-ataques que por muito pouco não resultaram em gols de Adriano e Iago. O goleiro Jefferson ainda fez uma defesa de cinema.

Foi uma vitória conquistada na raça e fruto do trabalho consistente que vem sendo realizado nos treinamentos. O Pérolas Negras foi a 6 pontos contra 7 do Tomazinho, equipe de São João de Meriti que recebe os Pérolas no próximo domingo, em Xerém, em duelo marcado para 10h e que valerá portanto a liderança do Grupo A da Série C.

Confira a tabela e a classificação da Série C do Campeonato Carioca para ficar por dentro dos resultados e próximos compromissos dos Pérolas Negras.

Pérolas lutam, mas perdem em Angra pela Série C

Os Pérolas Negras foram a Angra dos Reis enfrentar o 7 de Abril pela segunda rodada da Série C do Carioca e não conseguiram trazer pontos de volta para casa. Naquela que foi a estreia em campo da equipe na competição, já que a vitória contra o Campo Grande na primeira rodada foi por W.O., os Pérolas lutaram, chegaram a buscar o empate no primeiro tempo e tentaram evitar a derrota até o fim, mas a partida terminou com vitória do 7 de Abril pelo placar de 2×1.

Os primeiros minutos foram de muito nervosismo e amplo domínio do time da casa no estádio Jair Toscano. Com o passar do tempo o Pérolas Negras foi se organizando e, aos poucos, começava a ganhar território e entrar no jogo. Aos 10 minutos, porém, o 7 de Abril encaixou um contra-ataque rápido após escanteio a favor dos Pérolas e chegou ao 1×0.

O Pérolas Negras não se abateu, voltou para a partida e foi encaixando algumas boas jogadas até Iago achar Adriano nas costas do lateral adversário. Ele passou pelos zagueiros e deu ótima assistência para o artilheiro Rafael Paty igualar o placar. Ainda deu tempo do 7 de Abril acertar a trave do goleiro Jefferson antes do intervalo.

O segundo tempo do jogo foi equilibrado. O Pérolas tentava pelas laterais do campo, mas o passe final não encaixava. A equipe ia crescendo na partida quando, aos 34 minutos, após um pedido de falta ignorado pelo árbitro, o 7 de Abril acertou uma bela enfiada de bola na diagonal e uma linda finalização para dar números finais à partida. Rafael Paty ainda acertou a trave no último lance do jogo.

Não foi a estreia em campo sonhada pelos jogadores e a comissão técnica. O time teve lampejos daquela equipe que realizou bons jogos na fase de preparação para a competição, mas o grande nervosismo e dois erros bobos acabaram sendo determinantes para a derrota. O atacante Adriano foi o destaque dos Pérolas com muita velocidade, movimentação e contribuição tática.

O Pérolas Negras volta a campo no próximo dia 16, pela terceira rodada da Série C, quando recebe o Paraíba do Sul no estádio Raulino de Oliveira em Volta Redonda. A derrota em Angra dos Reis foi muito sentida, mas é importante lembrar que esse foi o primeiro jogo oficial dos Pérolas e que a equipe jogou de igual para igual e viu o empate parar na trave na última bola. O Paraíba do Sul vem de empatar por 2×2 com o Teresópolis.