Academia Pérolas Negras

Notícias

Pérolas Negras disputa a final da Taça Waldir Amaral, nessa quarta-feira, contra o Serra Macaense

Após derrotar o Olaria por 1 a 0 no fim de semana, time se classificou para a decisão do returno da Série B1 do Carioca

 

O Pérolas Negras vai disputar sua terceira final nessa temporada de 2021: em jogo, o título da Taça Waldir Amaral, que é o returno da Série B1 do Campeonato Carioca. O time se classificou após derrotar o Olaria por 1 a 0 na tarde do último sábado (20/11), no Estádio da Rua Bariri, no Rio de Janeiro.

 

O Olaria era o favorito, pois havia feito um segundo turno impecável, terminando em primeiro lugar invicto no Grupo B, com 5 vitórias e apenas 1 empate. O gol, marcado por Cristian após rebote do goleiro do Olaria, aconteceu no finalzinho do primeiro tempo.

 

O adversário do Pérolas Negras na final da taça Waldir Amaral será o Serra Macaense, que derrotou o 7 de Abril na semifinal, também por 1 a 0.  A partida está marcada para essa quarta-feira às 15h no Estádio Ferreirão, em Cardoso Moreira.

 

O Serra Macaense vem de uma campanha de recuperação, após ter terminado em penúltimo lugar em seu grupo no primeiro turno (Taça Maracanã). Agora no segundo turno, ficou em segundo lugar com 3 vitórias, 2 empates e 1 derrota.

 

Mesmo que perca amanhã, o Pérolas Negras já está garantido na grande final que decidirá qual é a equipe Campeã Carioca, da Série B1 em 2021 – que irá disputar a Série A2, segunda divisão do futebol estadual, em 2022.

 

A grande final estadual será disputada em duas partidas entre o vencedor da Taça Maracanã, que foi o Pérolas Negras, e o ganhador da Taça Waldir Amaral. Se perder amanhã, o Pérolas jogará a final contra o próprio Serra Macaense. Mas se ganhar, pelo regulamento da competição, o adversário na final estadual será novamente o Olaria, que foi a equipe que somou mais pontos na classificação geral dos dois turnos.

 

Se o adversário da final do estadual for o Serra Macaense, em caso de dois empates ou uma vitória de cada time nos dois jogos, o campeão será a equipe que somar maior saldo gols nas duas partidas. Se ainda sim persistir o empate, a decisão será por disputa de pênaltis.

 

Porém, se o adversário for o Olaria, o critério de desempate muda. Caso os dois jogos terminem empatados, o campeão será o Pérolas Negras. Se o Pérolas vencer uma partida, e o Olaria ganhar a outra, valerá o critério de maior saldo de gols na soma dos dois jogos. Se ainda assim persistir um empate, o campeão será a equipe vencedora das duas Taças – neste caso, o Pérolas Negras.